SoftBank – Vision Fund

20 de Dez de 2020

A SoftBank, o Kereitsu dos tempos modernos, com o Vision Fund, foi pioneira na estratégia de inovação em escala num modelo de investimento de risco agressivo. Abriu um caminho alternativo ao modelo dos GAFAM (Google, Apple, Facebook, Amazon e Microsoft), baseado em tecnologia e cujo crescimento depende de fusões e aquisições. 

O caso de transformação da SoftBank é, na nossa perspetiva, particularmente interessante numa altura em que os ecossistemas Europeus de startups e inovação precisam de recuperar o atraso em relação aos ecossistemas Americano e Asiático e em que muitas empresas estão a entrar em “coopetição” com fundos de investimento, lançando ou reinventando os seus empreendimentos de forma a enfrentarem o desafio da inovação em escala.

Como é o caso de todas as empresas disruptivas, a SoftBank tem sido radical na sua abordagem (especialmente em termos de aversão ao risco, captação de recursos e avaliações inflacionadas) e nem sempre tem seguido o manual de boas práticas (RSE, governo, partilha de dados financeiros,…).
No entanto, estamos a assistir a um modelo interessante e que deve ser analisado pelos players Europeus, especialmente porque o “Vision Fund” reflete os fatores críticos para o sucesso na Nova Economia: risco e capacidade de empreender. 

Assim, um dos nossos desejos para o presente ano de 2020 é que algum “SoftBank Europeu” venha a emergir e inicie um novo caminho para a inovação em escala. 

Se considera relevante a apresentação deste estudo na sua empresa, contacte a FABERNOVEL:

No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.

%d bloggers like this: